terça-feira, 27 de maio de 2008

recitação poética [2] (ou a mania de continuar a adicionar blogs para depois andar a correr para conseguir acompanhar tudo)

[997]

"Chaque pensée devrait rappeler la ruine d'un sourire"
.
Éloge de l'amour, Jean-Luc Godard, 2001
.
via [o polvo]
.

além está a desgraça disfarçada de azedos sorrisos. mesmo que penses que é do nevoeiro e os olhos te enganem. desconfia de ti próprio e não do que vês.

5 comentários:

O Poeta Morto disse...

muito bem, sabes falar alemão

Fernando Pessoa disse...

estive lá de férias...ups...vamos estar :)

O Poeta Morto disse...

isso ainda vai dar jeito. vai praticando...

RSM disse...

na alemanhã é imperioso saber dizer: eine Runde von Bier :)

Fernando Pessoa disse...

santinho