domingo, 12 de outubro de 2008

semana veneza [2]

[1269]

não é justo o que a memória nos faz. não nos deixa ver com clareza a paisagem que por tanto tempo esteve perto de nós. não nos deixa privar de novo com os sentimentos que nos foram invadindo por essa estrada fora. não nos permite voltar a estar lá de novo.
.
nenhuma cidade regressa mais saudosa que veneza.

4 comentários:

Laura disse...

é por isso mesmo que a memória é a faculdade do esquecer...

www.letrasasolta.blog.com

Fernando Pessoa disse...

olá laura,

tens toda a razão e isso é uma luta para a vida. aceitar isso de forma como facto consumado.

obrigado pela visita.

S. disse...

é o que dói mais: o lento apagar da memória...a névoa que vai descendo sobre a imagem que tentámos guardar num lugar intocável...

Fernando Pessoa disse...

dou por mim a passar os dedos nas fotografias como que tentando limpar a poeira do tempo...mas o que está ofuscado é já a memória...