domingo, 1 de fevereiro de 2009

Coisas

São 19:00. O Braga entra em campo às 20:00. Tenho um estranho pressentimento de que hoje nos vão tentar calar. Que hoje temos uma arbitragem que nos beneficia e depois todos vão poder dizer "então de que é que se queixam?","vocês também são beneficiados!" Seria uma jogada de artista!!!

Esperemos que nada disto aconteça mas, a acontecer, que o nosso presidente não se arme em "GRANDE" e venha com a desculpa do "se os outros são beneficiados nós também podemos ser às vezes" ou "alguma vez tinha de nos tocar a nós". Que seja antes "ENORME". Que mantenha as críticas anteriores, porque se é a verdade desportiva que nos move, então disponibilize-se para repetir o jogo. Até porque:

Não são as vitórias que movem o verdadeiro adepto. É a paixão por aquilo que é nosso, aquilo que representa uma terra, uma região!

Que se fodam as vitórias se não forem verdadeiras.

Pela verdade.

p.s.- espero escrever um comentário logo à noite a dizer como o meu pressentimento estava errado.

4 comentários:

El Salib disse...

Fodido, fodido era serem roubados também contra o Paços.

Indústria disse...

Acho que me enganei, ainda bem!

Roubados não fomos. Beneficiados... também não me parece, isto se entendermos que beneficiar uma equipa é bem mais que apitar a seu favor um ou dois lances. É ter um critério diferente ao longo de toda a partida, ou deixar passar em claro foras-de-jogo de um ou dois metros, com o bandeirinha em linha com a jogada.

De qualquer forma pode haver quem ponha em causa o golo anulado ao Paços. Para mim, e de acordo com a regra, qualquer tipo de contacto com o guarda-redes dentro da pequena área é falta atacante. De acordo com isto parece-me bem anulado.
Há também, nos momentos finais um fora-de-jogo mal tirado a um jogador do Paços. Este isola-se e atira ao poste. Não me ponho com a desculpa "acabou por não entrar e por isso não faz mal". Quando o árbitro assinala o fora-de-jogo ainda não se sabe se entra ou não. É um erro grave do fiscal de linha. Apesar disso, o jogador parte para a bola quase em linha com os defesas o que pode dificultar o julgamento do lance. Em todo o caso, com o recurso às novas tecnologias estes erros podiam ser evitados para bem do futebol. Não sei porque é que há ainda tanta resistência à introdução destas novas tecnologias.

Em relação ao penalty contra o Braga. Parece-me penalty. Acho que o árbitro apitou bem o lance. Mesmo que não seja, é uma daquelas situações em que se aceitaria o erro.

Ravelli disse...

os teas crónicas deixam-me de rastos...

Cump.

Indústria disse...

Já cá faltavas!

cump :)