terça-feira, 23 de outubro de 2007

cerveja e literatura - 1 *

[315]



.
falando sobre a juventude de Darwin, o autor transporta-nos para os preparativos da primeira viagem de barco:

“ […] charles lembrava-se de outro momento: a noite em que os dois estavam a jantar na Colwyn Inn e aí, sentados à frente de um prato de carneiro e uma caneca de cerveja, o grande homem dissera a charles que a sua viagem iria conduzir a alterações fundamentais no mapa geológico […]”

(John Darnton, “O pecado de Darwin” – Tradução de Artur Lopes Cardoso – Casa das Letras – 2007 – pp 28)


* título do ciclo de posts sobre cerveja e literatura de luís carmelo no seu blog [MINISCENTE].
.

p.s. como gostei muito do resultado, publico 4 excertos de textos que li no último mês.

1 comentário:

Fernando Pessoa disse...

parece-me que pouca gente gosta de cerveja...cambada de madalenas...saiam das tocas e comentem...até parece que não tratam por tu todas as marcas da cevada bem fermentada...