sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

ainda existem românticos?

[688]

hoje encontrei um papel no chão, caído entre outros, esquecido por alguém e que dizia,
.
se me esquecer de te lembrar,
mesmo nos dias em que te esqueço,
lembra-me de recordar que um dia
apenas sabia em sonhos o teu nome.
.
era um romântico? arrependido de o ser? isso nao sei, mas que era de anónimo para anónimo, lá isso era.
mas porque será que deitou o papel fora?
p.s. acabou a greve de vez.

3 comentários:

nina disse...

ainda bem que a greve acabou e que vários amigos e anonimos te mimaram e animaram..fico contente neste dia q foi mto especial para mim,por vários motivos um deles foi descobrir que ás vezes há locais que nos deixam mais saudades que as pessoas....há mto q não entrava num sitio e qd fiz vi-me no meio de uma mistura de emoçoes onde se encontraram a tristeza, a saudade e alegria e otras coisitas más......

claro q ainda existem romanticos..

welcome back again...

Fernando Pessoa disse...

és um bocado como eu,

tentas enganar-te com certas coisas, imagina o local onde foste, com a(s) pessoa(s)que lá estiveram? era turbilhão.as pessoas são sempre o mais importante, e os locais, como os perfumes, são meros transportes de nos levar de novo até elas...

e já agora onde andam esses românticos? preciso de uns conselhos

;)

mimos para ti também pelas tuas palavras :)

Anónimo disse...

não deites fora...nada.
ainda que as palavras tragam o mal do mundo...não deites fora.