quarta-feira, 12 de março de 2008

poesia dedicada [2]

[800]

verte duas lágrimas de alegria,
que desçam pelo teu rosto suave,
façam lavar o teu sorriso, e a minha
saudade não te esqueça, nem o minha
ausência te adormeça.
.
acorda. e dá-me a tua lágrima de alegria,
mesmo no dia em que eu não a mereça.

1 comentário:

caminhoparavida disse...

sorriso :-)...